Minhas Compras
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Comprar outros cursos Pagar esta compra

O caminho a gente faz andando...

O caminho a gente faz andando...

O ano era 2013!

Nesse dia da foto eu estava péssimo. Cansado, triste. Tinha feito vários exames de sangue (band-aid no braço). Estava doente, cansado da rotina. Todo dia a mesma história: subir a ladeira das Rocas em Natal/RN para ir à pé para faculdade, ao meio dia em ponto (na cidade do sol).

Após, voltar, estudar e dormir.

Esse local da foto era a parte de fora do Kitnet de apenas um cômodo que morava com meu pai. Eu estudava do lado de fora do quarto, uma parte coletiva, já que dentro não cabia sequer a cadeira com a mesinha. Nesse dia eu tinha tudo para não estudar. Eu tinha tudo para dar uma sincera desculpa e ir dormir.

Estava estudando para o meu primeiro concurso “sério”, o da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Estudei muito, dei o meu melhor (com os livros usados da Biblioteca - dá para ver na foto).

E a prova aconteceu. O resultado foi o pior de todos: reprovado sem ter sequer a redação corrigida. Que lástima, meu Deus! Conferindo mais uma vez o gabarito, de 10 (dez) questões de Direito Civil, eu acertei 2 (duas). E isso se repetiu com todas as matérias. Um desastre. Logo no concurso do meu Estado. Mais uma vez o meu querer não era o de Deus, pelo menos naquele momento. 

A cacetada da vida foi tão grande que fiquei uma semana tonto, sem entender o que tinha acontecido. Eu vi vários colegas aprovados nesse concurso, mas isso nunca me deixou triste. Ao contrário, vibrei pela felicidade deles. Aceitei que o momento deles havia chegado, mas eu ainda teria muito o que aprender e muito caminho a percorrer.

Em nenhum momento pisei em ninguém. Eu sinceramente acho que isso é determinante na nossa caminhada. Hoje eu não sei te dizer (e acho que nunca saberei) qual o segredo do sucesso, mas eu sei o segredo do fracasso. O primeiro passo para fracassar com êxito é ser dominado pelo sentimento de inveja. O invejoso não vai muito longe. .

A vida é assim mesmo, meu amigo, não tem jeito. Não peguem atalhos. Você um dia vai encontrar com o seu amigo lá de tempos atrás (como eu recentemente encontrei), e vai lembrar de tudo que passaram, e vai ser incrível. Não aceite que suas derrotas digam muito sobre você. Você é imparável! Se você souber disso, certamente ganhará essa queda de braço com a vida.

@victorhlinhares

Prof. Victor Linhares

https://rumoadefensoria.com
Enviando Comentário Fechar :/
Voltar ao topo